+ “MISS MARX”: ELEANOR MARX (FILME, foto abaixo) + NA REVISTA DE CINEMA: MOSTRA SP 44 E MOSTRAS PELÉ 80 ANOS + NÃO PERCAM, NO CANAL BRASIL, A EXCELENTE SÉRIE DOCUMENTAL “NOITES DE FESTIVAL”, DE TERRA & CALIL + OLHAR DE CINEMA + ARIANO SUASSUNA EM NOVO FILME

***NA REVISTA DE CINEMA:
MOSTRA SP 44 EXIBE “MISS MARX”,

filme ítalo-belga sobre Eleanor, a filha suicida de Karl Marx

+ MOSTRAS
PELÉ 80 ANOS + OLHAR DE CINEMA + ARIANO SUASSUNA

***NA REVISTA DE CINEMA:
Mostra de CINEMA de São Paulo 2020 — ANO 44

http://revistadecinema.com.br/2020/10/mostra-sp-abre-sua-1-edicao-digital-com-nova-ordem-filme-mexicano-premiado-em-veneza/

***NA REVISTA DE CINEMA:
***MOSTRA SP 2020 (ANO 44)
Filme mexicano (Nova Ordem) abre
festival paulistano nessa quinta-feira.

****Duas mostras de cinema homenageiam
80 ANOS DE PELÉ
Com exibição, no Canal Brasil e Cine Roxy-Santos, de filmes documentais e ficcionais

http://revistadecinema.com.br/2020/10/mostras-comemoram-os-80-anos-de-pele-o-atleta-do-seculo/

+ NO TUTAMEIA:
Assistam, no site de Eleonora e Rodolfo Lucena, à imensa (e reveladora) entrevista de Jean-Claude Bernardet (feita há dois anos). Dura quase 3 horas e é iluminadora. Bernardet fala, ao Tutameia, da ausência de operários, Liga Camponesa, etc, no cinema brasileiro. Evoca pesquisa que revelou a ele foto histórica do nascimento do cinema operário no ABC Paulista (e cita Renato Tapajós e João Batista de Andrade), discorre sobre as crises que enfrentou, como professor, na UnB e na USP, relembra seu texto sobre comédias comerciais e a premiação de “Vendo ou Alugo”, de Betse de Paula, no Recife, lembra o trabalho na Última Hora e no Opinião e Movimento… diz que é fruto de três “formadores”: o SENAI, Paulo Emílio Salles Gomes e Fellini… Vejam, também, a “live” dele no ARANDANDO NO CAMPUS (UFPB-Fest Aruanda).

+ FILME DE JORGE BODANZKY:
Durante o Fest É Tudo Verdade 25, foi exibido filme de Bodanzky sobre a UnB. Nele, Bernardet aborda a crise de 1965, na Universidade de Brasília, quando mais de 200 professores pediram demissão coletiva, pensando que haveria repercussão internacional. Não houve nenhuma repercussão. Com esse filme e com a entrevista ao TUTAMEIA, Bernardet joga muitas luzes sobre o assunto. Ele lembra também a demissão dos 25 da USP (essa, sim, teve muita repercussão….)

+ “LIVES” RUSSAS:
. Sobre o Livro de João Lanari e CPC-UMES
+ Centenário de Bondarchuk (no YouTube do CPC-UMES)
. Eisenstein, Pudovkin e Kulechov + Dziga Vertov (ambas no Youtube de Evaldo Mocartzel)

+ FILME MAIS VISTOS
DO SELO CPC-UMES
. “Vá e Veja”, de Elem Klimov: 15 mil acessos
. Anna Karenina: 4 mil
. Dersu Uzala: quase 4 mil

. JEAN-CLAUDE BERNARDET:
Professor da USP, ensaista, cineasta e cada vez
mais ator, estreia seu primeiro longa-metragem na
MOSTRA SP
#Eagoraoque, feito
em parceria com Rubens Rewald.

. MOSTRA SP 2020 (ANO 44)
presta tributo a Fernando Coni Campos, exibe três filmes
dele e promove “live” sobre trajetória de um dos mais incríveis inventores de estórias do cinema brasileiro:
LADRÕES DE CINEMA, filme que seria transcriado por
Arnaldo Jabor (Coni e diretor de “Tudo Bem” escreveram
o roteiro do novo filme. Que não foi feito…..)

**CINEMA RUSSO EM CASA
CPC-UMES Filmes –
Um filme por final de semana
Nesta sexta-feira, continuamos

o projeto “Cinema Russo em Casa”,
com a exibição gratuita de um filme

por semana no nosso canal do Youtube.

Semana passada exibimos VASSA (Gleb Panfilov, 1983),

baseado na peça “Vassa Zheleznova”, de Maksim Gorky.

Nossas exibições são disponobilizadas nas noites de sexta-feira (até domingo, 19h00).
Temos programação confirmada até novembro deste ano.

Link para acessar o canal: http://bit.ly/CPCUMESFilmes.

+ OLHAR DE CINEMA + ARIANO SUASSUNA
— Documentário “Ariano: Ilumiaras” – Lançamento

****OLHAR DE CINEMA 2020 (ANO 9)

matéria estará na Revista

de Cinema

. OS PREMIADOS:

. “Luz nos Trópicos”, de Paula Gaitan (Brasil) – melhor filme

. “Victoria”, de Sofie Benoot, Liesbeth De Ceulaer e Isabelle Tollenaere (Bélgica) – Prêmio Especial do Júri

. “A Metamorfose dos Pássaros”, de Catarina de Vasconcelos, (Portugal) – Prêmio de Contribuição Artística, Prêmio do Público

. “Los Lobos” , de Samuel Kishi (México) – melhor filme pela Crítica – (Abraccine – Associação Brasileira de Cíticos de Cinema) melhor filme pela Crítica

. “Pajeú”, de Pedro Diógenes (Ceará) – melhor longa brasileiro

“Agora”, de Dea Ferraz (Pernambuco): menção honrosa

. “O Ano do Descobrimento”, de Luis López Carrasco (Espanha) – melhor filme da Mostra Novos Olhares

. “Visão Noturna” , de Carolina Moscoso Briceño (Chile) – melhor filme da Mostra Outros Olhares

. “O Índio Cor de Rosa Contra a Fera Invisível: A Peleja de Noel Nutels”, de Thiago Carvalho (SP) – menção honrosa

. “Telas de Shanzhai”, de Paul Heintz (França) – melhor curta-metragem

. “Memby, de Rafael Castanheira Parrode (Goiás) – melhor curta brasileiro

. “A Mulher Que Sou” (PR), curta-metragem de Nathália Tereza – Prêmio Berenice Mendes da Avec (Associação de Cinema do Paraná)

. “Meia Lua Falciforme” (PR), curta-metragem de Dê Kelm e Débora Evellyn Olimpio – Prêmio AVEC (Associação de Cinema do Paraná) de Destaque do Júri

******ARIANO SUASSUNA
— Documentário de Cláudio
“Ariano: Ilumiaras” – Lançamento

https://www.ifpb.edu.br/noticias/2020/10/documentario-201cariano-ilumiaras201d-sera-lancado-em-evento-cultural-promovido-pela-uff

Olá Rosário – Nesses dias conturbados, espero que você e

os seus estejam bem, com muita saúde e em paz.

Para você tomar conhecimento, neste sábado (17 de outubro), a partir das 19h00 , estaremos lançando nosso documentário “Ariano: Ilumiaras”, em evento cultural promovido pelo Centro de Artes da Universidade Federal Fluminense (UFF).

Ou seja, o que era para ser uma tetralogia, como disse a você naquela

nossa entrevista (Revista de Cinema), em 2018, passou a ser uma pentalogia,

formada pelos trabalhos

“Ariano Suassuna: Cabra de Coração e Arte

ou O Cavaleiro da Alegre Figura” (49 minutos, 2007),

“Ariano: Impressões” (35 minutos, 2009),

“Ariano: Suassunas” (131 minutos, 2013),

“Ariano: Ilumiaras” (73 minutos, 2020) e, por fim, o

“Ariano: Armorial”, com previsão de lançamento em 2023.

Abaixo, atalho de acesso à página do IFPB, com

informações sobre o filme, o evento e a plataforma de exibição.

Fraternalmente, Claudio Brito

Instituto Federal de Educação,

Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB)

(83) 9 8708.4841

Documentário “Ariano: Ilumiaras” será lançado

em evento cultural promovido pela UFF

O documentário “Ariano: Ilumiaras” conta como Ariano construiu um

novo conceito que possibilitou uma leitura mais ampla e profunda de

obras artísticas representativas da identidade de um povo

https://www.ifpb.edu.br/noticias/2020/10/documentario-201cariano-ilumiaras201d-sera-lancado-em-evento-cultural-promovido-pela-uff

****NA REVISTA DE CINEMA:
Matérias sobre a
. MOSTRA SP 2020 (Ano 44)
+ Duas mostras homenageiam os 80 anos
de Pelé (no Canal Brasil e no Cine Roxy-Santos)