PRÊMIOS PARA O BRASIL EM CANNES + OLHAR DE OURO PARA PATRÍCIO GUZMAN (A CORDILHEIRA) + FIPRESCI + PREMIO OTELO + ORLANDO SENNA NO ECOFALANTE

***DOIS PRÊMIOS PARA O BRASIL EM CANNES+ PRÊMIO FIPRESCI PARA A PALESTINA + OLHAR DE OURO PARA PATRÍCIO GUZMAN: Melhor documentário por A CORDILHEIRA

. Prêmio ganho por ERYK ROCHA, com CINEMA NOVO, e AGNES VARDA, com VARDA POR AGNES.

. OS VENCEDORES:

. Parasite (Coréia do Sul), de Bong Joon-Ho – melhor filme

. Atlantique – Grande Prêmio do Júri: para a senegalesa Mati Diop, sobrinha do cineasta Djibril Diop Mambety (Touki Bouki e As Hienas), tema de mostra retrospectiva ano passado, no Olhar de Cinema

. Bacurau (Brasil) – Prêmio do Júri, ex-aqueo com
“Les Misérables”, do afro-francês Ladj Ly

. Le Jeune Ahmed: melhor direção para os Irmãos Dardenne (Bélgica)

. Little Joe: melhor atriz para Emily Beecham (Áustria)

. Dor e Glória: melhor ator para Antonio Banderas (Espanha)

. “Portrait d´une Jeune Fille en Feu” – melhor roteiro para Céline Sciamma (França)

. “It Must be Heaven”, de Elia Suleiman (Palestina) – Menção Especial do
Júri + Prêmio Fipresci (Federação Internacional de Críticos de Cinema)

. Nuestras Madres: Câmara de Ouro para filme
de diretor estreante, do guatemalteco César Diaz.

. A Vida Invisível de Eurídice Gusmão (de Karim Ainouz, Brasil):
melhor filme da Mostra Un Certain Régard.

. A Cordilheira: melhor documentário (Olho de Ouro). Chile

. Beanpole, de Kantemir Balagov (Prêmio Fipresci, na mostra Um Certo Olhar)

. The Ligthouse, de Robert Eggers (EUA)- Prêmio Fipresci para
diretores de primeiro ou segundo filme)

*** O PREMIO DE
KARIM AINOUZ:

Por Jessé de Andrade Alexandria

Maria do Rosário, que notícia boa o triunfo de Karim em Cannes, na mostra “Un certain regard”. Lembro-me de ter conhecido rapidamente o Karim, que estava de mudança, não sei se pro Rio ou pra São Paulo, egresso da Casa Amarela Eusélio Oliveira, da UFC, em Fortaleza, no final dos anos 80, início dos anos 90, depois de ter cursado cinema em San Antonio de Los Baños. Isso aconteceu no saudoso Cais Bar, a gente mirando aqueles verdes mares maravilhosos e bravios que se descortinavam bem à nossa frente. Uma amiga comum, Ilana, hoje professora de Filosofia da UECE (Universidade Estadual do Ceará, fazendo pós-doutorado em Lisboa), nos apresentou Karim, a mim e a Irene. Todos estávamos no antigo Cais Bar, todos tão jovens, admirando aquele velho painel em que havia charges de todos os grandes da música brasileira. Ai que saudade! Vê-lo triunfar em Cannes, depois de termos ficado maravilhados com o lindo “O Céu de Suely”, e de já termos visto com atenção o ótimo “Madame Satã” e o bom “Praia do Futuro”, me remete àqueles anos divinos em Fortaleza, quando acabávamos de sair (de verdade) de uma ditadura que durara 21 anos (cujos estertores se prolongaram até a Constituição de 88 e perduraram nas instituições, sub-repticiamente, nos anos Collor, de trista memória). Hoje, infelizmente, vivemos anos semelhantes àqueles. Mas hoje vamos fazer um brinde e desejar vida longa ao cinema de Karim. Desejo vê-lo receber o prêmio máximo em Cannes. Ele tem sensibilidade como poucos cineastas brasileiros para olhar, com densidade, o feminino. Estou animado, estou mais animado: Chico vence o Camões, Karim, o “Un certain regard”. Maravilhoso também saber que, no corpo de jurados, estava a divina Nadine Labaki. Só podia ser! Que Zéfiro e seus bons ventos tragam notícias melhores ao longo deste ano de tão maus presságios. Forte abraço em você e no Zanin.
Jessé e Irene.

****UMA PERGUNTA:
Saiu a lista de finalista ao Prêmio OTELO??? Grande Prêmio do Cinema Brasileiro??? Bjs rô

ALMANAKITO
SEXTA-FEIRA (24-5-19)

+ ORLANDO SENNA NO ECOFALANTE + FESTin LISBOA 2019 + VALE TUDO NO GOVERNO + FERRUGEM: PREMIO
NO FESTin (PORTUGAL)

+ VALE TUDO NO GOVERNO (bolsomôrico)

+ FERRUGEM: PREMIO

NO FESTin LISBOA (PORTUGAL)

+ ORLANDO SENNA NO
8o. ECOFALANTE

+ FESTIVAL INTERNACIONAL DE CURITIBA: ENCONTRO DE CINEMA COM AINOUZ, MAEVE, TEIXEIRA, MASCARO, MARTINS (ver

no final desta remessa) + Os ingressos
para o 8º Olhar de Cinema já estão à venda!

+ FESTin LISBOA 2019

+ VALE TUDO NO GOVERNO

+ FERRUGEM: PREMIO NO

FESTin (PORTUGAL)

+ OLHAR DE CINEMA + CINEOP

+ FESTIVAL VARILUX

DE CINEMA FRANCÊS

+ São Paulo e Pernambuco perdem
o cineasta e cenógrafo José de Anchieta, diretor de curtas, do longa “Parada 88” e que iniciou, pela Blimp Filmes, o inacabado “A Hora dos Ruminantes”. Ele dirigiu também alguns curtas e aperfeiçoou-se em cinema no NFBoard do Canadá. Há bom
perfil dele no Dicionário de Cineastas Brasileiros, de Luiz Felipe Miranda.

+ ORLANDO SENNA
NO ECOFALANTE

+ VALE TUDO NO GOVERNO:
Uma nota na correria, pois daqui a pouquinho vou assistir ao doc MEDICOS CUBANOS, de Markum e Roizenblitz no CANAL BRASIL (adeus CINEJORNAL: enquanto o programa estiver fragmentado e em horário estapafúrdio, NÃO O ASSISTIREI!!)**** GENTE: não costumo ler
matérias econômicas, porque não entendo nada deste setor da vida social. Mas ontem (23-05-19), por razão que não sei explicar, bati os olhos numa coluna de VINICIUS TORRES (FREIRE), na Folha de S. Paulo e a li inteira. Fiquei passada: ele contava que o atual presidente dissera à bancada (creio que nordestina) que teria em mãos UM TRILHÃO DE REAIS para breve investimento. DE ONDE SAIRÁ tanto dinheiro, num momento de crise econômica?????????? Fiquei com esta pergunta na cabeça. AÍ, FOLHEANDO O GOBO, vi que Merval Pereira (outra leitura que não costumo fazer) falava do (mesmo e tal) UM TRILHÃO. Li, com sacrifício, a coluna inteira para saber de que fonte jorraria tal dinheirama. Merval explicava: de transações imobiliárias, etc, etc. Fui caminhar na praia com Zanin e disse a ele que lera as duas colunas e que tivera dificuldade de entender, devido à minha brutal incapacidade para decifrar assuntos econômicos. Ele, que paga todos os impostos municipais, estaduais e federais por nós devidos, me deu explicações sobre o sistema de cobrança de impostos na área IMOBILIÁRIA. Entendi mais ou menos (minha burrice econômica é similar à minha burrice DIGITAL). Ao regressarmos da praia, Zanin leu as duas colunas (que eu resumira precariamente) e me explicou o que entendera delas. HOJE, sexta-feira, 24, VINICIUS desvenda o que está por trás do TRILHÃO. Ou seja, uma idéia que até o posto guedes ipiranga desconhece. Parece que alguém levou a ideia embrionária
para o presidente TOSCO & APRESSADO e ele saiu falando pelos cotovelos…. Fui à coluna do MERVAL para ver como ele suitara o assunto. Até o colunista de O Globo concluiu que não há nada de SUBSTANTIVO no TRILHÃO BOLSOMÔRICO.
E fechou o artigo com citação que reproduzo aqui: “Como disse H. L. Mencken, jornalista e crítico americano do séc. passado, famoso por suas frases ácidas: “para todo problema COMPLEXO existe sempre uma solução SIMPLES, elegante e completamente ERRADA” (as caixas altas são minhas).

+ KARIM AINOUZ
TRIUNFA EM CANNES

+ FERRUGEM + AOS SEUS OLHOS:
PREMIO NO FESTin (PORTUGAL)
****** “IDADE DA ÁGUA”
Novo filme de Orlando
Senna no 8o. Festival Ecofalante
https://www.facebook.com/events/854989724864390/
Sessão, seguida de debate, nesta
quinta-feira, 30 de maio, no Espaço
Augusta de Cinema, em São Paulo

******CANNES entrega

PALMAS DE OURO NESTE SABADO

Se a turma de BACURAU ganhar algum dos (pouquíssimos) prêmios de Cannes, vou ficar muito feliz. Não vi o filme (ainda), mas prêmios para nossa produção cinematográfica, principalmente neste momento, são mais que gratificantes. Mas já estou muito feliz com a repercussão do filme na mega-vitrine cannoise, com o material do Canal Plus mostrando a entrada da equipe ao som de REQUIEM PARA MATRAGA, de Vandré (aposto que a escolha foi de Kleber Mendonça, que gosta de citar — assumir — sua fontes de diálogo), com a coletiva da equipe (que assisti pelo youtube), com toda a cobertura brasileira e francesa, que li, etc, etc. Agora, se MARCO BELLOCCHIO ou PEDRO ALMODOVAR ganhar, vou ficar muito feliz também. Com um juri presidido por um mexicano (Alejandro “Amores Perros” Iñarritu), creio que o olhar sobre os LATINOS será sensível. Bellocchio é um dos maiores diretores do cinema europeu. E, por mais espantoso que possa parecer, quanto mais velho ficou (quase octogenário), melhor ficaram seus filmes. O que é Bom Dia, Noite ou VINCERE??? Jóias raras. Tenho, na minha coleção de Cahiers de Cinema, marca em uma página na qual aparece o hospital-capela em foto imensa. Gosto de olhá-la, pelo menos uma vez por semestre. Não por religiosidade (sou agnóstica), mas sim, por amor ao grande cinema, para purificar minha vista cansada de tanta banalidade. Almodóvar, também, eu amo. Tudo Sobre Minha Mãe, Carne Trêmula, Fale com Ela, Volver… são tantos os filmes dele que me cativam…. E os dois realizadores nunca ganharam a Palma. Os Dardenne, dupla belga da qual sou admiradora, já ganharam duas (ou três). Ah, O TRAIDOR é uma legítima co-produção ítalo-brasileira. Além de Maria Fernanda Cândido, o filme tem paisagem brasileira (o Rio), co-produtores (os Gullane), etc, etc. Aguardemos, pois.

****“Ferrugem”, de Aly Muritiba, e “Aos Teus Olhos”, de Carolina Jabor, são premiados no FESTin em Lisboa

DA ASSESSORIA DE IMPRENSA

Três coproduções Globo Filmes marcaram presença na 10ª edição do Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa (FESTin). “Ferrugem”, de Aly Muritiba, e “Aos Teus Olhos”, de Carolina Jabor foram premiados ontem, 22 de maio, em cerimônia realizada no cinema São Jorge, em Lisboa. Já o longa “Sai de Baixo” de Cris D’Amato, foi o filme de encerramento. “Ferrugem” conquistou os prêmios do Júri da Crítica, de Melhor Realizador (Aly Muritiba) e de Melhor Atriz (Tifanny Dopke). O longa, que teve sua estreia mundial no Festival Sundance está sendo distribuído no exterior pela Globo Internacional e já foi vendido para países como Suíça, Emirados Árabes, República Tcheca, Hungria, Polônia, România, Croácia, entre outros. E “Aos Teus Olhos”, de Carolina Jabor, arrematou o prêmio de Melhor Ator (Daniel Oliveira). “Aos Teus Olhos” recebeu diversos prêmios nos festivais em que competiu como Festival do Rio e 41ª Mostra São Paulo. “Sai de Baixo”, de Cris D’Amato, foi exibido com a presença de Miguel Falabella e Marisa Orth, e estreou ontem nos cinemas portugueses em todas as salas NOS, responsável pela distribuição do filme no país. Em Portugal, a série de humor que inspirou o filme pode ser vista todos os domingos, às 17h25, na Globo, canal disponível nas operadoras locais. A premiação completa está no site oficial do Festival:

http://festin-festival.com/2019/05/23/divulgados-os-vencedores-da-10a-edicao-do-festin/

****FEST CURITIBA-PR
Os ingressos para o 8º
Olhar de Cinema já estão à venda!

garanta o seu
View online version
Já estão à venda os ingressos para a

8ª edição do Olhar de Cinema.

Compre seu ingresso no local de exibição do filme.

Esse ano a grande novidade do festival é o App do Olhar. Nele você consegue conferir todas as sessões e criar sua própria programação.

App disponível para Android e IOS

Se preferir, acesse nosso site.
Aproveite os últimos dias para comprar a credencial do

1º Encontros de Cinema de Curitiba.

O evento acontecerá entre os dias 9 e 11 de junho. Com a presença de mais de 30 nomes importantes do cinema nacional, serão 3 dias com diversas palestras e atividades voltadas exclusivamente ao cinema.

Saiba mais em https://encontrosdecinema.com

Confira alguns dos palestrantes:

Saiba Mais
IR PARA O SITE DO OLHAR DE CINEMA