MAIS MÉDICOS NO CANAL BRASIL + WERNER HERZOG + CHICO BUARQUE (PREMIO CAMÕES) E O JORNAL NACIONAL + FRODON + ANNA KARENINA

+ MAIS MÉDICOS,

retirei esta foto do livro de Araquém Alcântara, para divulgar documentário que o Canal Brasil vai exibir nesta sexta-feira.

+ CINEJORNAL (CANAL BRASIL) + A TV GLOBO E CHICO BUARQUE + WERNER HERZOG + JEAN-MICHEL FRODON + “BOLA DE SEBO” (MAUPASSANT, aliás, uma das mais
matrizes da GENI, de Chico Buarque!!!!)

+ DOC “MEDICOS CUBANOS” (CANAL BRASIL) + TVT (TELA CHEIA) + CARTA DOS Governadores sobre o Decreto Presidencial (ARMAS)

+ DVDs DE FILMES
SOVIÉTICOS E RUSSOS
(Selo CPC-UMES: destaques: Bola de Sebo, de Maupassant, o maior conto da literatura ocidental, em versão muda e genial+ Quando Voam as Cegonhas, Dersu Uzala, de Kurosawa, URSS-Japão, e, lançamento recente, Anna Karenina/Vronsky).

**AINDA CHICO BUARQUE (PREMIO
CAMÕES) & TV GLOBO (JORNAL NACIONAL):
Li, hoje, três notas na coluna de Mônica Bérgamo (Folha), nas quais ela conta que Lula enviou carta, com parabéns, a Chico Buarque, por esta conquista (o Camões) que tanto nos engrandece como povo e prega a fraternidade e o intercâmbio entre os países de expressão lusófona. Em tom
jocoso (Lula tem um fino senso de humor, apesar de todas as adversidades que enfrenta), o ex-presidente dizia que tinha gostado muito de ver “Chico no Jornal Nacional”. *****Deixei, MESMO, de ver telejornais, em nome de minha saúde mental e física. Dias atrás, por dica da atriz Gilda Momacce, abri endereço que ela enviara com matéria do mesmo JN, sobre a morte e velório de ANTUNES FILHO. Matéria nota dez, maravilhosa, com material riquíssimo, recursos gráficos, depoimentos variados, etc, etc. **** Se Lula ficou satisfeito em ver Buarque
no horário nobre global, achei de boa medida pedir “ajuda aos universitários” (leia-se, o paciente Zanin — quem mandou casar-se com analfabeta digital???!!!): que me ajudassem a localizar a reportagem do JN sobre o prêmio CAMÕES a Chico. Que mixuruca!!! Que material burocrático, indigno do premiado e da importância do Prêmio que une África Lusitana, Portugal e Brasil. ****E o pior: uma matéria antecedida por uma informação absurda: “notícia de última hora”. Se entendi bem o material fechou o JN, depois das 21h00. Todas as agências, portais (até o Almanakito!!!) já noticiavam a premiação há muitasss horas.
DEZ para a matéria do ANTUNES FILHO, e dois (sendo generosa!) para o burocrático material dedicado a Chico Buarque.

+ NA REVISTA DE CINEMA:
festivais adiados (ou com dificuldades): de Brasília, Recife, FAM, Anima Mundi, Festival do Rio, etc, etc (na Revista de Cinema/Uol) + FESTIVAIS EM TRANSE + BILHETERIAS BRASILEIRAS + MILOS FORMAN, O PAU-ESCREVINHADOR”

***Carta dos Governadores
sobre o Decreto Presidencial n. 9.785
(07 de maio de 2019) e a Regulação Responsável
de Armas e Munições no País (ver abaixo).

****NESTA SEXTA-FEIRA, 19h20
(confiram o horário, por favor), exibição de documentário de Markum & Roizemblitz (já sei que escrevi errado, mas vai assim mesmo, pois estou com pressa) MEDICOS CUBANOS (sobre a brigada de profissionais da MEDICINA ilhenhos que vieram atuar no Brasil). POR FALAR em CANAL BRASIL, o programa CINEJORNAL perdeu, em definitivo, sua MAIS FIEL ESPECTADORA. Nunca mais o assisti (nem assistirei) nas três edições FRAGMENTADAS e vespertinas!!!!!

***** DAQUI A POUCO,
na TVT (TV dos Trabalhadores), Maria Amélia Lopes conversa com Luiz Zanin sobre estreias cinematográficas da semana. Entre 15h00 e 16h00. Sintonia (muito simples) pelo YouTube.

*****PORTO ALEGRE
RECEBE FRODON, DEPOIS HERZOG:
Hoje, no Estadão, entrevista do prolífico, inquieto e importantíssimo Werner Herzog, 76 anos. Ele — que estará em Porto Alegre em breve (Fronteiras do Pensamento) — fala de seu novíssimo filme, realizado no Japão. Reforça que, hoje, se pode fazer um filme com 20 mil dólares e um celular, que nunca dependeu da indústria de Hollywood (vive em L.A.), etc, etc, etc. Não deixem de ler.
E semana que vem (dia 31, sexta-feira) FRODON estará em POA para master class, apresentação de três filmes e curso sobre CINEMA ASIATICO. Atividade da ACCIRS 10 anos, em parceria com a UniSinos e Abraccine. Tudo dentro de seminário sobre a CRITICA, com lançamento de livro organizado pela Abraccine.

******SETE (E NÃO 6) LIVROS:
Entre os livros de
CHICO BUARQUE,
Prêmio Camões 2019, esqueci de citar logo
BUDAPESTE, que deu origem ao instigante filme de Walter Carvallho, protagonizado por Leonardo Medeiros. A atriz Tessy Callado e o escritor Antônio Torres me alertaram (obrigadíssimo aos dois).
+ CHICO BUARQUE
RECEBE PREMIO CAMÕES,
láurea máxima da língua portuguesa
Li tudo que saiu nos jornais (22-05-19), sobre a justíssima premiação do ESCRITOR, dramaturgo, compositor e cantor popular Francisco Buarque de Hollanda, de 74 anos, com o Prêmio Camões. E confesso que achei a chamadinha de capa da Folha de S. Paulo imprópria. Queriam forçar uma comparação com o Nobel a Bob Dylan??? Parece que sim. Só que Chico Buarque é autor de seis (SETE!!!) livros e umas cinco peças de teatro. De memória, relembro os livros:
1. Chapeuzinho Amarelo (infantil)
2 . Fazenda Modelo (novela)
3. Estorvo (romance)
4 . Benjamin (romance)
5. BUDAPESTE (gracias a Tessy Callado e a Antônio Torres, que me lembraram do meu deslembramento)
6. Leite Derramado (romance)
7. O Irmão Alemão (romance)
****TEATRO
(cito de memória):
. Calabar (com Ruy Guerra)
. Gota d’Água (com Paulo Pontes)
. Os Saltimbancos
. Ópera do Malandro
Suas composições musicais (canções) são tão conhecidas, que não há porque chover no molhado…..Mas, no teatro, faço questão de lembrar magnífica versão de LEITE DERRAMADO, protagonizada por Juliana Galdino (vi no Teatro Sesc Anchieta e nunca mais me esquecerei o impacto que atriz, em papel masculino, me causou…). Felizmente, em seu artigo na Folha, Sérgio Rodrigues, titular da coluna dedicada à Língua Portuguesa, ultrapassou (e bem) o recurso fácil de aproximar a escolha de Chico para o Camões, à Dylan ao Nobel. *** Prá resumir, só um comentário: Feliz do país que tem CHICO BUARQUE como artista e cidadão.