EVALDO MOCARZEL ABRE CANAL NO YOUTUBE (TEATRO DE GRUPO EM SÃO PAULO + FESTIVAL BRICS + A SOMBRA DO PAI (DEBATE)

+ O CINEASTA EVALDO

MOCARZEL CRIA CANAL
NO YOUTUBE

No canal, pesquisadores e demais
interessados encontrarão
uma espécie de tesouro dramatúrgico da vitalidade e da efervescência do teatro de GRUPO em São Paulo
Canal no Youtube — Minha Querida Rô,

Criei um canal no Youtube e coloquei TODOS os projetos nos quais me envolvi nos últimos anos, com exceção dos longas As Quatro Irmãs (que será lançado em Cinema e em plataformas digitais), Club Noir (ainda inédito, sobre o sistema artístico do grupo criado pelo encenador Roberto Alvim e pela atriz Juliana Galdino) e de um curta que estou finalizando e que fiz em homenagem ao Mestre Robert Bresson: O Menino, o Sabiá e o Rato. São mais de 80 títulos englobando longas, curtas, programas de televisão e registros de espetáculos históricos da cena paulistana contemporânea e de encontros em que atuei como curador: a mostra e ciclo de debates Teatro SP: Novas Dramaturgias em Tempos Digitais, que aconteceu no Itaú Cultural. Está tudo lá: é só digitar Evaldo Mocarzel Oficial. Confesso que cansei de distribuir DVDs dos filmes que venho realizando e, sublinhe-se, o DVD entrou em obsolescência. Pesquisadores, cinéfilos, estudantes, professores, centros culturais, bibliotecas, enfim, recebi muitos pedidos e sempre mandava copiar os DVDs para distribuir. Mas o canal no Youtube facilita todo esse processo e me dá uma sensação de “dever cumprido”, nada nos pertence de fato, além de descortinar uma possibilidade de eternidade diante dessa nossa vida sempre tão efêmera. Há no canal uma espécie de tesouro dramatúrgico da vitalidade e da efervescência do teatro de grupo em São Paulo. Se puder, divulgue!
Bjs e vamos que vamos nesse
momento tão difícil enfrentado
pelo nosso País! Evaldo (Mocarzel).
Link direto: https://www.youtube.com/channel/UCc2X-SO6VJeNKs6kJLLYI0g

****HOJE tem debate

Belas Artes-Estadão em torno de A SOMBRA do PAI, com Gabriela Amaral, Júlio Machado, a infanta Nina Medeiros, Adriana del Ré, editora-assistente do Caderno 2 e o crítico Luiz Carlos Marten. Entrada franca, 19H30, no Cine Belas BELAS ARTES.

****FESTIVAL BRICS (NITEROI):
Dia destes, coloquei no “face” uma nota sobre “Notícias de uma Guerra Particular”, de Katia Lund e João Salles. Um pessoa do meio cinematográfico fez um comentário educado, elegante, mas questionador. Argumentou que os irmãos Salles deviam interferir mais no difícil momento vivido pelo país, inclusive na cultura. Pondero, em defesa dos dois, que João edita uma revista importante e progressista, a PIAUÍ (que está numa fase ótima, depois de um início digamos, meio esnobe). Walter tem trabalhado com Jia Zhang-Ke, tem defendido parcerias com os BRICS, etc. Confesso que não tenho acompanhado de perto a ação dos dois irmãos. Podem fazer mais do que fazem????? Claro, todos nós podemos. ***Neste momento, torço para que Walter se empenhe na realização, em Niterói, no niemárico MAC, aquela nave espacial arremessada sobre o mar atlântico, do FESTIVAL BRICS. Um festival enxuto, pois os tempos são bicudos. Basta vir um cineasta russo, um indiano, um chinês e um africano do sul e FILMES, muitos filmes… Teremos um grande festival. Defender os BRICS neste momento de trevas é um ato progressista…

******ESTADÃO DEU OBITUÁRIO DE
Jerusa Pires Ferreira, professora da ECA-USP e da PUC-SP. Uma baiana-paulistana retada. A conheci na Jornada da Bahia. Era louca por Cangaço, SEMIÓTICA (quem na PUC não é???), literatura medieval e de cordel!!! Figuraça.

+ A CULTURA E OS
IMPROPÉRIOS DO PRESIDENTE
*****Gente: inacreditável
(não por culpa do jornal) a
matéria do Segundo Caderno, de O Globo, hoje, com o Bozo. Esta figura nefasta virou “crítico de arte”. Diz que Queermuseu, “Quero Voltar para Casa”, o filme do Daniel Ribeiro, etc, são tidos como ARTE, mas “não são”… Diz que acabou com a mamata destes “projetos bancados pela Petrobras”. Cita também o filme do “Lula, o Filho do Brasil”, produzido pelo Barretão. O repórter de O Globo pediu entrevista à Petrobras para que a empresa se manifestasse (comprovasse) se as obras citadas tiveram patrocínio da estatal (tb “empresa mista”)… A Petrobras não respondeu. Barretão, é de todos sabido, não buscou recursos junto a ESTATAIS, pois seria algo totalmente condenável…. O Bozo sai dizendo o que quer, na louca, e a imprensa reage em pequenas matérias. Folha e Estadão não deram matéria hoje. Globo deu (mas com pouco destaque)…. Por que este Governo não se ocupa da criação de empregos, ao invés de ficar blefando na internet????????

****** A Folha deu registro de que
ZUZA HOMEM DE JAZZ
será exibido hoje, 22h00 e tanto, no Canal Brasil. Mas este filme não é do Canal CURTA!???? E as segundas-feiras, no Canal Brasil, agora são dedicadas a programas como o de Lázaro Ramos (Espelho), Eric Nepomuceno (Sangue Latino), etc e — creio — o SOM DO VINIL, do Gavin. Os filmes entraram no horário nobre, nos demais dias. O Amir Labaki e ETV passaram para a quarta-feira. Então, estou confusa….