MOSTRA SP 2018: BRICS + CONTINUAÇÃO DE PETIT QUINQUIN NA CAPA DA CAHIERS DU CINEMA + – Confira os lançamentos da O2 Play

MOSTRA SP 2018: CONTINUAÇÃO DE “LE PETIT
QUINQUIN” NA CAPA DA CAHIERS DU CINEMA

*** A VOLTA DO “PETIT QUINQUIN” ,
de Bruno Dumont, na capa da Cahiers du Cinéma número 747.
O novo “filme” (208 minutos) está na programação da Mostra SP 2018: “Coincoin e os Inumanos”.

*****MOSTRA SP 2018:

. No final desta remessa:
Três filmes que a
O2 Play distribuidora
na Mostra de São Paulo.
Entre eles, “Sócrates”, produção do
Instituto Querô, de Santos.

O Sócrates que dá nome ao filme não é filósofo grego, nem o craque corintiano, mas um jovem da Baixada Santista.

*FILME BRICS NO FEMININO:
Ano passado, assistimos, na Mostra SP, a filme dirigido por realizadores internacionais (incluindo Jia Zhang-Ke e Walter Salles) representando os BRICS. Portanto, com 5 realizadores do Brasil, Rússia, India, China e África do Sul (o S de South Africa). Agora, a Mostra SP vai apresentar o “BRICS de saias”. Ou seja, um filme de cinco episódios, dirigido por 5 mulheres: a brasileira (o B) é Daniela Thomas. As outras realizadoras são oriundas da Rússia, o R, da Índia, o I, da China, o C, e da África do Sul, o S. O filme se chama “Metade do Céu”. Ano que vem, Niterói vai sediar o Festival de Cinema dos BRICS, em espaços culturais inseridos no Caminho de Niemeyer (incluindo o belo Reserva Cultural da terra de Arariboia), que mira a Baía da Guanabara.

**PEPE MUJICA (terceiro filme):
Tragam a Maconha (na Mostra SP)

**BO WIDERBERG
(duas vezes lembrado no filme “Procurando Bergman”, da germânica Margarette von Trotta)

** VALERIO ZURLINI,
que já ganhou magnífica retrospectiva na Mostra SP, para alegria de Carlão Reichenbach, que amava o realizador peninsular, terá
“A Moça da Valise” (com Jacques Perrin novinho e Cardinale, idem) exibido pelo Cineclube CPC-UMES, nesta segunda-feira, no Bixiga paulistano.

. ARNALDO ANTUNES, POR

MARCELO MACHADO,

. SEQUESTRO RELÂMPAGO,
POR TATA AMARAL,

. MEIO-IRMÃO,
POR ELAINE COSTER

********MOSTRA SP 2018:

Marcelo Machado apresentou, no CineSesc, o documentário COM A PALAVRA, ARNALDO ANTUNES.

**********Na mesma sala, Tata Amaral mostrou Sequestro Relâmpago

**********A curta-metragista ELIANE COSTER estreia na MOSTRA SP

com seu primeiro longa, o ficcional MEIO-IRMÃO. Mais um sessão na CineSala.

******O2 Play na Mostra Internacional

de Cinema de São Paulo

“Socrates” dirigido por Alex Moratto e “Meio Irmão”

da diretora Eliane Coster estão entre os selecionados

na Competição de Novos Diretores

Cena de “Socrates” com direção de Alex Moratto, um dos destaques da O2 Play no evento

São Paulo, outubro de 2018 – Três filmes da distribuidora O2 Play fazem parte na programação oficial da 42ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, que acontece entre os dias 18 e 31 de outubro. “Socrates” dirigido por Alex Moratto e “Meio Irmão” da diretora Eliane Coster participam da Competição de Novos Diretores. Já “O Barco” do diretor Petrus Cariry, que também está na programação do evento na Perspectiva Internacional, será lançado pela distribuidora em breve nas plataformas digitais.

Durante duas semanas a Mostra Internacional faz um apanhado do cinema contemporâneo mundial e apresenta tendências, temáticas, narrativas e estéticas.

Além das categorias já citadas, neste ano o evento estará dividido em Apresentações Especiais, Homenagens, Restaurações e Mostra Brasil.

Veja abaixo os detalhes e os horários das sessões.

“Socrates”

71 minutos

Direção: Alex Moratto

Produtora: Instituto Querô e Querô Filmes

Sessões: Dia 20/10 – 20:00 – ESPAÇO ITAÚ DE CINEMA – FREI CANECA 2

Dia 21/10 – 16:10 – CINESALA

Dia 26/10 – 17:00 – CINEMATECA – SALA BNDES

O longa-metragem de ficção relata a trajetória de um jovem negro, homossexual de 15 anos, morador da periferia da Baixada Santista, litoral de São Paulo, que precisa sobreviver por conta própria após a morte de sua mãe.

“Socrates” foi produzido por jovens entre 16 e 20 anos capacitados pelo projeto Oficinas Querô, realizado pelo Instituto Querô, Organização Não Governamental de Santos-SP que utiliza o audiovisual como ferramenta de transformação social para jovens em situação de risco social, reconhecida pelo UNICEF. Filmado com um orçamento inferior a 80 mil reais, Este é o primeiro longa-metragem de Alex Moratto, diretor brasileiro-americano.

Socrates” venceu o Woodstock Film Festival Ultra Indie Award 2018 em Woodstock (Estados Unidos) e participou do LA Filme Festival em Los Angeles (Estados Unidos), do Festival du Nouveau Cinéma (FNC) 2018 em Montreal (Canadá) e está entre os selecionados para o Festival do Rio de Janeiro que acontece em novembro.

Cena de “Meio Irmão” da diretora Eliane Coster

“Meio Irmão”

97 minutos

Direção: Eliane Coster

Produtora: Oka Comunicações

Coprodução Periscópio Filmes e Roberto Eiti Produções

Sessões: Dia 18/10 – 21:20 – ESPAÇO ITAÚ DE CINEMA – AUGUSTA SALA 1

Dia 19/10 – 13:30 – ESPAÇO ITAÚ DE CINEMA – FREI CANECA 5

Dia 25/10 – 14:00 – CINESALA

A mãe de Sandra (16) está desaparecida há dias. Desorientada e sem dinheiro, ela procura seu meio irmão Jorge (20), com quem tem pouco contato. Jorge, porém, enfrenta uma situação difícil: ele grava no celular uma agressão homofóbica a um casal de amigos acreditando não ter sido visto.Pouco depois, começa a receber ameaças anônimas para não divulgar as imagens. Nesta jornada, Sandra e Jorge enfrentam seus terrores mas constituem um precioso afeto.

“Meio Irmão” marca a estreia de Eliane Coster na direção de longas-metragens.Realizou cinco dos sete curta-metragens com verba obtida por meio de premiação em editais de incentivo ao curta-metragem e ao documentário.

Todos os filmes da diretora foram exibidos em festivais do Brasil e exterior e alguns obtiveram importantes prêmios tais como Melhor Filme para “Super Oldboy”, no Festival de Gramado em 2016, e Melhor Documentário para “São Paulo Além das Horas”, no Cine Rail em Paris (França) em 2010.

Em breve nas plataformas digitais

Cena de “O Barco” do diretor Petrus Cariry

“O Barco”

72 minutos

Direção: Petrus Cariry

Produtora: Iluminura Filmes

Sessões: Dia 24/10 – 19:30 – ESPAÇO ITAÚ DE CINEMA – FREI CANECA 1
Dia 26/10 – 14:00 – CINEARTE PETROBRÁS 2

Dia 30/10 – 14:45 – PLAYARTE MARABÁ – SALA 4

Numa vila de pescadores mora Esmerina, uma mulher com 26 filhos. O nome de cada filho corresponde a uma letra do alfabeto. Ela consegue decifrar o futuro a partir deles e prevê a chegada de um misterioso barco e de uma mulher, trazida pelas águas. O destino dessa comunidade é bruscamente alterado por esses acontecimentos.

42ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo

De 18 a 31 de outubro

Informações completas sobre ingressos em

http://42.mostra.org/br/home/