FESTIVAL DE HAVANA 40 ANOS + “PASTOR CLAUDIO”, DE BETH FORMAGGINI + BILHETERIAS DE DOCUMENTÁRIOS BRASILEIROS

+ 40 ANOS DO FESTIVAL DO CINEMA
LATINO-AMERICANO DE HAVANA (DEZEMBRO DE 2018) + CENTENARIO DE SANTIAGO ALVARES (2019)
+ ESTREIA DE “VINTE AÑOS”, DE ALICEANDRADE (EM BREVE):
O Fest Havana teve sua primeira edição em 1979 e o filme vencedor foi o brasileiro “Coronel Delmiro Gouveia”, de Geraldo Sarno. A força do Brasil chegou a seu apogeu em 1984, quando o país conquistou os três principais prêmios:
.Melhor longa de ficção: Memórias do Cárcere, NPSantos
.Melhor documentário: Cabra Marcado para Morrer, Coutinho
.Prêmio Especial do juri: “Jango”, Tendler
Hoje, com a força do cinema argentino e com o florescimento de cinematografias como a chilena, a uruguaia (e a paraguaia, LAS HEREDERAS é maravilhoso!!!), etc, etc, tudo mudou…..

+ HOJE, ENTREGA DOS PREMIOS DO FIMCine 2018 –
FESTIVAL INTERNACIONAL MULHERES NO CINEMA

+ AGUARDEM INFORMAÇÕES COMPLETAS SOBRE FEST LATINO-AMERICANO DE SÃO PAULO + DOCUMENTARIOS & BILHETERIAS + COTAÇÃO: CINCO ESTRELAS + NOVO FILME DE ROBERT GUEDIGUIAN

+ NO SESCTV, SÉRIE “SUPER LIBRIS”: JOSÉ ROBERTO
TORERO CONVERSA COM ESCRITORES BRASILEIROS

***BILHETERIAS DE DOCUMENTARIOS
BRASILEIROS + FILME DE BETH FORMAGGINI

+ NOVO FILME DE GUEDIGUIÁN — UMA CASA À BEIRA MAR” GANHOU 5 ESTRELAS DA CAHIERS, POSITIF, ETC, ETC

+ DOCUMENTARIOS BRASILEIROS & BILHETERIAS

+ UMA QUESTÃO SOBRE COTAÇÕES: CINCO
ESTRELAS & O NOVO FILME DE ROBERT GUEDIGUIAN

***DOIS ASSUNTOS:

Paula Ferraz me lembra que o filme ELENA, da Petra Csta,

deve entrar nesta lista dos “++ nas bilheterias documentais brasileiras”. Quando tiver tempo, vou checar.

Fiz esta lista em 2010 — ou

antes — e ontem enfiei O PROCESSO entre os 15, porque o

filme passou dos 60 mil ingressos. Tenho que checar o

resultado final de A MUSICA SEGUNDO TOM, o do ELENA

(e outros, como Nós Que Aqui Estamos, Tropicália, etc)…

A bilheteria do campeão — TRAPALHÕES, do Tendler — está registradíssima no livro de nossa Fatimarlei Lunardeli.

2. Ontem, depois de assistir ao novo GUEDIGUIAN,

do qual gostei muito, fui checar as avaliações (dele) no ALLOCINE. Quase caí de costas com tamanha consagração. Só o direitista Le Figaro deu uma estrela, porque este jornal odeia imigrantes e o filme é simpatico à causa. Mas o que mais me espantou foi a coincidência entre Cahiers, Positif e uma penca de veículos… Les Inrock deu

4 estrelas….. Então: 5 e 4 estrelas são presença avassaladora na tabelona……

*********Feito este registro, faço uma ponderação (Orlando Margarido e eu conversamos sobre isto outro dia):

qualquer filme, hoje, no Brasil, ganha 5 estrelas. Sendo assim,

fica a pergunta: em caso de relançamento de filmes como Kane, Encouraçado, L’Atalante, Aurora, A Doce Vida, O Leopardo, Viridiana, Rashomon, Contos da Lua Vaga, Batalha de Argel, Fanny e Alexander, O Homem e a Câmara, Vidas Secas, Terra em Transe, Memórias do Subdesenvolvimento (para citar só alguns) quantas estrelas ELES receberiam? OITO, NOVE, DEZ??????? bjs rô

(*) LISTA SUJEITA A

ACRÉSCIMOS E CORREÇÕES

(***) Faltam dados de OPINIÃO PUBLICA, de Jabor,

ISTO É PELÉ, de Barretão e Escorel….

. Vou procurar os dados de Tropicália e

de Nós Que Aqui Estamos, por Vós Esperamos

Mundo Mágico dos Trapalhões, de Sílvio Tendler……………… 1.891.425

Jango, de Sílvio Tendler…………………………………………………….500 mil ????

Os Anos JK, de Sílvio Tendler……………………………………………..300 mil ????

Vinícius…………………………………………………………..265.466

Todos os Corações do Mundo, de Murilo Salles……………………… 265.017

Pelé Eterno, de Aníbal Massaini ………………………………………….204.282

Surf Adventures, de Arthur Fontes……………………………………. 200.853

Cabra Marcado para Morrer……………………………………………….200.000

Raul Seixas……………………………………………………………………160 mil (???)

Janela da Alma, de Jardim & Carvalho………………………………..132.997

A Música Segundo Tom Jobim……………………………………………..85 mil (*)

Uma Noite em 67……………………………………………………………….80 mil

Edifício Master, de Eduardo Coutinho……………………………………74.469

O PROCESSO………………………………………………………………..63.728

Nelson Freire, de João Salles………………………………………………..60.793

+ NOVO FILME DE
BETH FORMAGGINI
NO FIMCine 2018

“Pastor Cláudio”
no CINESESC
HOJE, Quarta-feira,
11 de julho – 15hOO,
com debate (sessão
anteriormente agendada para terça)