GERMÁN VALDÉS, EL PACHUCO”TIN TÁN”, EM DOCUMENTÁRIO DE
FRANCISCO TABORDA

*TINT TÁN E SUS HERMANOS “LOS LOCOS VALDÉS”.

*Documentário de Francesco Taborda

revela a trajetória de um astro da comédia mexicana, Germán Valdés Tin Tán, el Pachuco, irmão de “Seu Madruga”

Maria do Rosário Caetano

Em março último, em viagem ao México (Guadalajara e Cidade de México) ouvi falar pela primeira vez em Tin Tán, el Pachuco. Fomos, Zanin e eu, assistir a uma palestra do professor Alejandro Giménez León, da UNAM (Universidade Autônoma do México), no belíssimo Palácio Nacional, no Zócalo, coração azteca da maior metrópole das Américas.

O professor, com simpatia e humor ímpares, além de conhecimento profundo de seu tema, discorreu sobre “A Cidade do México Durante a Época de Ouro do Cinema Mexicano”. Citou logradouros (praças, parques, avenidas, edifícios) existentes ou já destruídos pela especulação imobiliária (ou por algum terremoto) e lembrou o aproveitamento dado a tais espaços pelo cinema mexicano e por alguns de seus astros.

Ao regressar, escrevi uma série de flashes sobre Guadalajara e Cidade do México, e outra série sobre o que captara da palestra do professor Giménez Leon.

Transcrevo um deles:

“Na capa do disco dos Beatles

Anúncios