CÂMARA CASCUDO E A HISTORIA DA ALIMENTAÇÃO NO BRASIL (CINEBRASILTV)

*****SÉRIE BRASILEIRA

NO CINEBRASIL TV (SKY)

“História da Alimentação no Brasil”

Heco Produções lança série baseada no famoso

livro de Luís da Câmara Cascudo

Já estreou na TV por assinatura

a série de Eugenio Puppo baseada em

livro do pesquisador potiguar, Luís da

Câmara Cascudo: “Alimentação no Brasil”

(no canal da Tereza Trautman: CineBrasilTV-Sky).

Tem trechos de filmes de Linduarte Noronha

(Aruanda), de Walter Lima Jr (Câmara Cascudo),

de Vladimir Carvalho, de Olney São Paulo,

de Geraldo Sarno (vários)… Vi três episódios

(30′ cada) sobre

A MANDIOCA, O MILHO, A BANANA.

Muito bons. Recomendo. Vejam abaixo

amplo material sobre a série de Puppo,

diretor de “Sem Pena”, “Reichenbach, Relatório Confidencial”, “Ozualdo Candeias”, etc, etc. Bjs rô

*****SERIE BRASILEIRA

NO CINEBRASIL TV (SKY)

Locais em que a série foi realizada: Bragança e Belém, no

Pará, São Paulo – São Paulo, Recife – Pernambuco,

Alvito – Portugal, Natal e São Miguel do Gostoso,

no Rio Grande do Norte, Pirenópolis – Goiás, e Rio de Janeiro.

História da Alimentação no Brasil

Heco Produções lança série sobre obra de Luís da Câmara Cascudo em 06 novembro às 21h30

A série será exibida semanal, de segunda

a sexta-feira, sempre na faixa das 21h30 –

Canal CinebrasilTV.

Dia 06 de novembro estréia a série História da Alimentação no Brasil, produzida pela Heco Produções e dirigida por Eugenio Puppo, baseada no livro homônimo de Luís da Câmara Cascudo, lançado em 1967. Com 13 episódios de 30 minutos, a série vai ser exibida no canal pago Cinebrasil TV. O livro, um vigoroso tratado de 900 páginas, comemora 50 anos de lançamento em 2017 e é até hoje o maior registro histórico e sociológico sobre a culinária brasileira. Dividida em duas partes, a obra faz um minucioso levantamento das tradições alimentares brasileiras, fruto da miscigenação entre povos originários do Brasil, da população africana escravizada e dos portugueses.

Cascudo viajou pelo Brasil de 1943 a 1962, debruçou-se sobre vasta bibliografia e foi à África conhecer as origens de vários dos nossos pratos para escrever a obra. Desta forma, as locações incluem cidades brasileiras – Bahia, Pará, Maranhão, Rio Grande do Norte, Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Goiás e Pernambuco -, e 11 cidades portuguesas, dentre elas Lisboa, Porto, Évora e Mirandela, retratando desde a doçaria conventual (como os pastéis de Tentúgal), às Tripas à moda do Porto e os Cuscos transmontanos.

A série História da Alimentação no Brasil traz depoimentos de diversos personagens brasileiros, chefs, artistas, estudiosos e personagens anônimos de diversas regiões do Brasil e de Portugal. A seleção de entrevistados inclui Carlos Alberto Dória (sociólogo), Mara Salles (chef), Ana Luiza Trajano (chef), Alberto da Costa e Silva (historiador), Chico César (cantor), José Avillez (chef). Além do material original, a série utiliza material de arquivo, com longas e curtas-metragens de Humberto Mauro, Heinz Forthmann, Caravana Farkas, e obras do acervo do Instituto Câmara Cascudo, CTAV, Museu do Índio, Cinemateca Portuguesa, Câmara Municipal de Lisboa e acervos particulares.

A estreia do episódio 1, A Rainha do Brasil, mostra a mandioca, um dos primeiros alimentos citados nos registros portugueses, como um ingrediente essencial. Um narrador pontua os episódios com informações históricas na forma de trechos breves do livro e as cenas são entremeadas por imagens de feiras brasileiras icônicas, preparação de pratos, reproduções de livros, pinturas, trabalhos artísticos e fotos antigas. A trilha sonora, original, incorpora uma multiplicidade enorme de ritmos africanos, brasileiros e portugueses, misturando referências tradicionais e contemporâneas.

Episódio 01 – A Rainha do Brasil

Nativa do Brasil e ingrediente básico da culinária indígena, a mandioca foi descrita pelos cronistas portugueses já nos primeiros registros sobre a flora brasileira. Muito consumida em todas as partes do país até os dias de hoje, é um dos produtos-chave para entender nossa alimentação. Não à toa, recebeu de Câmara Cascudo o título de realeza.

O primeiro episódio de História da Alimentação no Brasil nos leva até o Pará para acompanhar a fabricação artesanal da farinha de mandioca, mostra-nos a riqueza de adaptações e derivações proporcionadas pela planta e revela o resgate da tradição que cozinheiros brasileiros têm feito ao oferecer pratos com mandioca em seus restaurantes.

Personagens: Seu Bené (professor da farinha); Carlos Alberto Dória (sociólogo); Rivandro França (cozinheiro – Cozinhando Escondidinho); Maria Antónia Góes (pesquisadora e escritora); Thiago Castanho (cozinheiro – Remanso do Bosque); Mara Salles (cozinheira – Tordesilhas); Anna Maria Cascudo (filha de Luís da Câmara Cascudo); Daliana Cascudo (neta de Luís da Câmara Cascudo); Chico César (cantor e compositor); Telma Machado (pesquisadora e empresária); Cláudio Lobato (comerciante); Letícia Massula (pesquisadora e cozinheira – Cozinha da Matilde); Priscila Lourenço (comerciante); Trabalhadores da casa de farinha da Tabua; Moradores da aldeia indígena TekoaPyau.

Locais: Bragança – Pará; São Paulo – São Paulo; Recife – Pernambuco; Alvito – Portugal; Belém – Pará; Natal – Rio Grande do Norte; Pirenópolis – Goiás; Rio de Janeiro – Rio de Janeiro; São Miguel do Gostoso – Rio Grande do Norte.

Anúncios