FEST GRAMADO 2017 + NOITE DE PROTESTOS NA ENTREGA DOS PRÊMIOS DO GAUCHÃO + HOMENAGEM A CID NADER (PREMIO ACCIRS – CRITICA)

FILME SOBRE REBELIÃO

SECUNDARISTA EM PORTO

ALEGRE VENCE O GAUCHÃO 2017

Gramado (RS) — FEST GRAMADO 2017 — Em festa de entrega dos prêmios aos vencedores do Gaúchão (Prêmio Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul), transmitida ao vivo pelas TVs Educativa e Assembléia, na noite deste domingo, 20 de agosto, os protestos políticos se fizeram ouvir. Houve defesa das fundações (em especial a Piratininga, mantenedora da emissora educativa) e brados de “Fora Sartori” (governador gaúcho) e “Fora Temer”. Tudo ao ritmo de banda de rock pesado, que abriu seus trabalhos musicais com os versos “Tropa de Elite/ pega um/pega geral/ também vai pegar você”.

OS PREMIADOS COM O TROFEU ASSEMBLEIA LEGISLATIVA E PRÊMIOS EM DINHEIRO

SECUNDAS, de Carlos Nazário (melhor filme) — trofeu e R$8 mil.

SOB AGUAS CLARAS E INOCENTES, de Emiliano Cunha (melhor direção, melhor produtor-executivo, Prêmio da ACCIRS-Crítica) – O cineasta dedicou o prêmio ACCIRS à memória do crítico Cid Nader, especialista em curta-metragem, que faleceu semana passada, em São Paulo)

TEMPORAL, de Gabriel Honzik (melhor roteiro: Gabriel Honzik, melhor fotografia: Carine Wallauer, melhor edição de som: Ivan Lemos & Thiago Gautério)

GESTO, de Alberto Gondim e Júlia Cazarré : Prêmio Aquisição TV Educativa do RS (R$4 mil), e SENA, OS FIOS EM PROSA, de Marcelo Costa e Cacá Sena (menção honra e aquisição, R$1500,00)

YOMARED, de Lufe Bollini (melhor atriz: Mariana Yomared, melhor montagem: Lufe Bollini, melhor música: Mariana Yomared e Banda da Convenção de Malabares de Florianópolis)

1947, de Giordano Gio: melhor ator (para João Pedro Prates)

SOLITO, de Eduardo Reis — melhor direção de arte (de Eduardo Reis)

MAIS INFORMAÇÕES SOBRE

O FEST GRAMADO 2017 NA

REVISTA DE CINEMA/Uol