CINECEARÁ 2017: TODOS OS PREMIADOS + FESTEJO
MUITO PESSOAL (PAULO EMILIO ANO 100)– Nas fotos abaixo, o
governador do Ceará, Camilo Santana, que entregou aos atores cubanos
Patricio Wood (de óculos) e Jorge Martínez, o prêmio Mucuripe de melhor diretor, para Fernando Pérez, por “Últimos Dias em Havana”, a turma do curta “Valentina” (com a editora de Cultura de O Povo) e o argentino Guillermo Pfening, eleito o melhor ator. Mais informações abaixo.

***CINE CEARÁ 2017
Longas da

Argentina e de Cuba conquistam
os principais trofeus Mucuripe. O melhor curta nacional foi “Festejo Muito Pessoal”, que relembra o centenário de Paulo Emilio Salles Gomes

Tabela com os filmes premiados

*Longas latino-americanos:

. NINGUÉM ESTÁ OLHANDO (Argentina) — melhor filme,
melhor ator (Guillermo Pfening), melhor montagem (Tamborino,
Sztanjberg & Barbieri) e Prêmio Abraccine (Crítica)

. ÚLTIMOS DIAS EM HAVANA (Cuba) — melhor direção (Fernando
Pérez), melhor fotografia (Raúl Perez Uréta), melhor filme pelo Juri Olhar
Universitário (Estudantes da UniFor)

. SANTA E ANDRÉS (Cuba) – melhor atriz (Lola Amores), melhor
roteiro (Carlos Lechuga)

. UMA MULHER FANTASTICA (Chile) — melhor trilha
sonora (Matthew Herbert), melhor som (Isaac Moreno)

. MALASARTES E O DUELO COM A MORTE (Brasil) – melhor
direção de arte (Tulé Peak)

***CURTAS BRASILEIROS:

. Festejo Muito Pessoal, de Carlos Adriano (SP) – melhor
filme, Prêmio CiaRio (em serviços)

. Valentina, de Estevão Meneguzzo e André Félix (RJ) — melhor
direção, Prêmio Samburá (da Fundação Demócrito Rocha e
Jornal O Povo), e Prêmio Olhar Universitário (Unifor)

. Memórias do Subsolo ou o Homem Que Cavou Até
Encontrar Uma Redoma, de Felipe Camilo (CE) – melhor roteiro (de
Felipe Camilo), Prêmio Aquisição Canal Brasil

. Caleidoscópio, de Natal Portela

Anúncios