*****ACABO DE LER, na Folha de SP, duas matérias sobre mobilizações (de artistas)
inseridas em nosso terrível e temerário presente politico. Uma sobre movimentos culturais paulistanos que ocuparam a Secretaria Municipal de Cultura de SP e outra sobre artistas que, reunidos na casa de Paula Lavigne — convidados por Letícia Sabetella (fotos) — se posicionaram pelo TEMER JAMAIS. A reunião reuniu Caetano Veloso, Wagner Moura, Elisa Lucinda e muitos artistas, críticos, desde o início, ao Golpe que levou Temer ao governo. Outros, como Marcelo Serrado, tinham ficado no lado oposto. E estavam, agora, na nova reunião-mobilização. A Folha conta que, no instragran de Sabatella, o ator continua sendo chamado, por alguns, de “coxinha”. Até quando viveremos este fla x flu??? Se Marcelo Serrado percebeu o
moralismo e conservadorismo que respaldam o governo temerário e agora está com o movimento TEMER JAMAIS!, ótimo. Que seja bem vindo. Ele e todos os que quiserem devolver o Brasil ao leito democrático.

Enviado via iPad de Rô Caetano

Anúncios