*****FEST BRASILIA 2016 – ANO 49 – Seguem os protestos contra o governo Temer, no palco e na plateia, sempre lotada, do Cine Brasília. Na noite de ontem, quando foi exibido o épico MARTIRIO, de Vincent Carelli, o cineasta e indigenista, criador do projeto VIDEO NAS ALDEIAS, e sua equipe vestiram as camisetas FORA TEMER e VIVER SEM TEMER. O filme, segunda parte de trilogia iniciada com CORUMBIARA (e que será concluída com ADEUS, CAPITÃO) foi aplaudido vigorosamente pelo público, que acompanhou com enorme interesse suas quase 3 horas de duração (160 minutos). MARTIRIO tornou-se realidade graças a financiamento coletivo, que mobilizou 990 colaboradores, entre eles Lúcia Murat e Maria Rita Kehl.

Enviado via iPad de Rô Caetano

Anúncios