DOMINGOS MONTAGNER E AS ÁGUAS DO RIO + VIDAS PARTIDAS
+ UM NAMORADO PARA MINHA MULHER + O CIRCO + VELHO CHICO

Estamos todos estarrecidos. Quão curta é a vida. Domingos Montagner parte de forma trágica, aos 54 anos, no instante em que vivia o momento mais feliz de seu trabalho artístico. Apaixonado pelo circo (com seu Circo Mínimo) ele foi descoberto pela TV e cinema já maduro. Está na tela da Globo, em Velho Chico, novela ambientada nas águas do rio que o levou, e em dois filmes: Um Namorado para Minha Mulher, no qual interpreta o “Corvo”, o tal namorado por aluguel, e em Vidas Partidas, longa inspirado nas trágicas histórias de vida feminina que levaram à criação da Lei Maria da Penha. Dia destes, na GloboNews, Ingrid Guimarães, com quem ele contracenou em Um Namorado para Minha Mulher, lembrou que algumas espectadoras não estavam gostando do visual do “Corvo”, pois o filme de Júlia Rezende teria enfeiado o “galã” maduro das telenovelas. O ator tem, neste filme, um visual de hippie velho somado com homem de circo. Aliás, nesta comédia que recria um sucesso argentino, ele leva a personagem de Ingrid a um cirquinho, para que ela o veja fazer, a vera, acrobacias. Este era seu ofício de origem. Vai deixar muita saudade no circo e teatro paulistanos, no

cinema e na TV.

Anúncios