************CHICO DIAZ, O MEXICANO-BRASILEIRO-CARIOCA-NORDESTINO, CONTA, EM MATÉRIA NA REVISTA DA GOL, QUE CHEGOU AO BRASIL AOS 10 ANOS, DEPOIS DE NASCER NA CIDADE DO MÉXICO E MORAR NO PERU. ******QUE ELE TINHA NASCIDO NO MEXICO, (QUASE) TODOS sabíamos. Agora, que morou no Peru (onde nasceu o irmão Kike Diaz) e chegou ao Brasil já pre-adolescente!!!! eu não sabia. Como é que ele pode falar um português tão perfeito??? Para mim, ele chegou ao Brasil com dois ou três anos, no máximo (risos). Bem, CHICO vai receber homenagem especial no CINECEARÁ 2016 por sua carreira de quase 70 filmes, muitas peças de teatro e muitas novelas. CHICO É UM FENÔMENO LINGUISTICO, SE COMPARADO COM JEAN-CLAUDE BERNARDET, QUE CHEGOU AO BRASIL AOS 15, 16 anos e passados mais de sessenta anos, ainda fala “portufrancês” OU “francesguês” (risos) ****** DICA TARDIA: **********LEIAM, SEM FALTA, NO ALIÁS-ESTADÃO, DOMINGO, O5-06-16, o magistral artigo do cientista político LUIZ FELIPE DE ALENCASTRO. @ TÍTULO: “O CAVALO DE TROIA PARLAMENTARISTA”. E ALENCASTRO CITA ARTIGO DE RAFAEL MAFEI RABELO QUEIROZ, professor de Direito da USP, publicado no mesmo jornal. DUAS LEITURAS OBRIGATÓRIAS.**********DEPOIS DE ENCONTRO COM HISTORIADORES, A PRESIDENTE DILMA VAI ENCONTRAR-SE COM INTELECTUAIS E CIENTISTAS, EM SÃO PAULO, REUNIDOS PELO FÍSICO ROGERIO CESAR DE CERQUEIRA LEITE (ver a coluna digital de MONICA BERGAMO).*******ESTOU EM CURITIBA: A PARTIR DE HOJE, A CAPITAL PARANAENSE SEDIA O FESTIVAL OLHAR DE CINEMA.******ENRIQUEÇAM SUA FRIA NOITE PAULISTANA COM SESSÃO E DEBATE DO BELĪSSIMO “BOTÃO DE PĒROLA”, DO CHILENO PATRÍCIO GUZMÁN, NO CINESESC, 20h30.********A POTÊNCIA DO HUMOR– Zanin me conta que, ao terminar de ler o novo livro de Elio GASPARI, o quinto e último volume da DITADURA de 1964 (que ele resenhou para o CADERNO2, do Estadão) reteve, entre tantas outras informações, elogio do jornalista-pesquisador-escritor ao livro de memórias de REINALDO GUARANY, guerrilheiro banido que, depois de viver no CHILE, DE ALLENDE, radicou-se na Alemanha. Sua mulher, DÔRA, suicidou-se neste país europeu. Ainda sob o impacto de mais esta trágica perda, GUARANY escreveu suas memórias, num registro duro, doloroso. ANISTIADO, regressou ao BRASIL. E, anos mais tarde, escreveu outro livro de memórias, banhado de HUMOR. AH, quero ler os dois livros. Até porque GUARANY é o mais fascinante dos personagens do belo (e bem-humorado) documentário SETENTA, de Emilia SILVEIRA. DA MESMA DIRETORA (ah, como as MULHERES estão fazendo bem ao cinema brasileiro!!!!) vi mais um filme no FEST É TUDO VERDADE e aguardo a cinebiografia documental do centenário ANTONIO CALLADO ******OTIMAS DECLARAÇÕES DE SONIA BRAGA E KLEBER MENDONÇA (AQUARIUS, JÁ VENDIDO PARA CINQUENTA PAISES) HOJE NOS JORNAIS. *******CINEOP 2016 – CINEMA E MEMÓRIA (OURO PRETO, MG) VAI PRESTAR HOMENAGEM A EDUARDO COUTINHO E FRANCISCO SERGIO MOREIRA *******A PAGINA FÚNEBRE DE O GLOBO, DE HOJE, MOSTRA O QUANTO TUNGA ERA AMADO******UM DOS 12 CINEMAS DE CAMPO GRANDE, BAIRRO DA ZONA OESTE DO RIO, ENCONTROU DOIS HORÁRIOS PARA MOSTRAR O FILME DE PATRICIA KOGUT, CHAMDO JUSTO “CAMPO GRANDE”. *****REVISTA DE CINEMA 129: EXEMPLARES DISPONĪVEIS PARA NAO-ASSINANTES NAS BIBLIOTECAS DA REDE PUBLICA DO MUNICÍPIO DE SP + GIBITECA E CIRCUITO SP CINE DE CINEMA. ****AGUARDEM A ESTREIA, EM BREVE, DO PRIMEIRO LONGA-METRAGEM DO ESCRITOR JOÃO PAULO CUENCA, FOTOGRAFADO PELO CRAQUE PEDRO URANO*****MAIS flashes no BLOG ALMANAKITO.

Enviado do Ipad de Rosário

Anúncios