GUZMAN E BOTÃO DE PEROLA + STF E A EBC + BETH FORMAGGINI +
UGO GIORGETTI + SP CINE + KAURISMAKI + CONTI E TATA+ A PERDA
DE IVAN CÂNDIDO + FEST VARILUX + OS VULCOES DE ROSSELLINI

Rô Caetano
Maria do Rosário Caetano
Blog: www.almanakito.wordpress.com

*******ALMANAKITO
QUINTA FEIRA- (02-06-16)

+ CAMPO GRANDE & SINFONIA DA NECRÓPOLE:
DOIS GRANDES FILMES FEMININOS EM CARTAZ

+ EXCELENTE ARTIGO DE LEE SIEGEL,
NO ALIÁS-ESTADÃO: O TRIUNFO DO FRACASSO
(29-05-2016): artigo inteligentíssimo, profundo, original, de leitura obrigatória. Discorre sobre as razões do sucesso da candidatura Trump e analisa a obsessão norte-americana pelo sucesso e o pavor doentio ao fracasso.

+ UGO GIORGETTI FILMA SERIE “CINEMA
POR QUEM O FAZ” PARA O SITE DA SP CINE
Tomara que um de seus personagens seja o
(fotógrafo) Walter Carvalho paulistano,
homônimo do Walter Carvalho paraibano-carioca

+ LEIAM, HOJE, ARTIGO DE JANIO DE FREITAS SOBRE OS “TEMPOS” DE JULGAMENTO QUE O STF SE DÁ, EM SEUS JULGAMENTOS, AO BEL PRAZER DE SEUS INTEGRANTES.

++ POR FALAR EM STF, PARECE QUE SAIU ALGUMA DECISÃO SOBRE A DEMISSÃO ILEGAL DO DIRETOR-PRESIDENTE DA EBC-TV BRASIL, RICARDO MELO.

+ CIRCUITO SP CINE NO UOL: Com adaptações na infraestrutura, salas populares abrem com atraso em SP

+ NA NOITE DE ONTEM,
ASSISTI, NO CANAL CURTA!,
A DOIS CURTAS-METRAGENS
QUE DESCONHECIA,
ambos dirigidos por mulheres. Um, de
BETH FORMAGGINI, colaboradora de Eduardo Coutinho, sobre um integrante do aparelho repressivo da ditadura militar brasileira, que hoje virou pastor evangélico. O outro, de Susanna Lira, sobre visita de Dona Elizabeth Teixeira, 90 anos, a uma capelinha construida no município nordestino onde o líder camponês João Pedro Teixeira foi assassinado. ****O
personagem de Beth Formaggini é um ESPANTO: diz, com a maior tranquilidade, que matou tal preso político até num gesto de “misericórdia”, vai reconhecendo cada vítima dos porões da ditadura, comenta a morte “inesperada” de Vladimir Herzog… Realmente, um espanto.

+ ARTIGO EQUILIBRADO E CONSISTENTE DE
TEREZA CRUVINEL, HOJE, NA FSP, SOBRE
A EBC, RADIOBRAS, AGENCIA BRASIL, RADIOS E
TVs PUBLICAS: UM PROJETO EM RISCO, QUE VEM SENDO
DESMONTADO, APESAR DO TEXTO LEGAL QUE O
CRIOU, E QUE FOI APROVADO PELO
CONGRESSO NACIONAL. O DESMONTE SE DÁ
PELO “vingador” TUDO A TEMER. O “pacificador”
QUE NADA PACIFICA. AO CONTRÁRIO, VEM ACIRRANDO
AS CONTRADIÇÕES COMO SE TIVESSE SIDO
ELEITO EM PRIMEIRO
TURNO, COM 90% DOS VOTOS.

+ O PÃO E A PEDRA (CIA DO LATÃO): No
TUSP Maria Antônia (temporada até início de junho)

+ ARTIGO DE LAURA CARVALHO (FSP, 02-06-16)

+ ARTIGO DE JOSÉ ROBERTO TORERO, NO ESTADÃO
(02-06-16): SOBRE O ‘real” poder do presidente interino.

+ O PORTO, DE KAURISMAKI (NO ARTE1)

+ HOJE, NA GLOBO NEWS, MARIO SERGIO CONTI ENTREVISTA TATA AMARAL (23h00)

+ CINESESC PROMOVERÁ GRANDE DEBATE SOBRE O MAGNIFICO “O BOTÃO DE PEROLA”, DO CHILENO-FRANCÊS PATRÍCIO “A BATALHA DO CHILE” GUZMÁN

+ NO CINESESC, MOSTRA DE FILMES
SOBRE TEATRO E PERFORMANCE,
ACOMPANHADO DE OFICINA
DE EVALDO MOCARZEL

+ “AS MARAVILHAS”, NO CINE
SEGALL (VILA MARIANA-SP)

+ NESTA SEXTA, NO CANAL BRASIL: O SOM DO VINIL (21h30), NO SABADO, CINEJORNAL (21h00).

+ NAO PERCAM O
EXCELENTE “CAMPO GRANDE”,
TERCEIRO LONGA DE
SANDRA KOGUT + E VEJAM
“SINFONIA DA NECRÓPOLE”, EM
CARTAZ HÁ VÁRIAS SEMANAS.

+ CRISTIANO BURLAM E MARCELO CAETANO ESTÃO ENTRE OS OFICINEIROS DA CINEOP 2016 + BETH FORMAGGINI + OLHAR DE CINEMA – FESTIVAL INTERNACIONAL DE CINEMA DE CURITIBA: FESTIVAL PARANAENSE ABRE SUA QUINTA EDIÇÃO NA PROXIMA QUARTA-FEIRA

+ UGO GIORGETTI FILMA SERIE “CINEMA POR QUEM O FAZ” PARA O SITE DA SP CINE + CIRCUITO SP CINE NO UOL + O PÃO E A PEDRA (CIA DO LATÃO) + NAO PERCAM O ŒTIMO FILME “CAMPO GRANDE”, DE SANDRA KOGUT

+ ARTIGO DE LAURA CARVALHO (FSP, 02-06-16) + O PORTO, DE KAURISMAKI + HOJE, NA GLOBO NEWS, MARIO SERGIO CONTI ENTREVISTA TATA AMARAL

+ CINESESC PROMOVERÁ GRANDE DEBATE SOBRE O MAGNIFICO
“BOTÃO DE PÉROLA”, de PATRÍCIO “A BATALHA DO CHILE” GUZMÁN
+ NO CINESESC, MOSTRA DE FILMES SOBRE TEATRO E PERFORMANCE, ACOMPANHADO DE OFICINA DE EVALDO MOCARZEL

+ GOVERNO DE MINAS INVESTE MAIS DE 20 MILHÕES DE REAIS EM
PROJETOS DE CINEMA E TV + HOJE, 18h30, TEM NOITES PARAGUAYAS, DE ALOYSIO RAULINO NA CINEMATECA DO MAM + CINE CEARÁ HOMENAGEIA CINEMA MEXICANO COM 22 LONGAS-METRAGENS.

+ HOJE É DIA DE CONFERIR O ORIGINALÍSSIMO “TUDO SOBRE VINCENT”, FILME FRANCÊS, LANÇAMENTO DA PANDORA, DE ANDRÉ STURM. FEST VARILUX COMEÇA NA PROXIMA QUARTA-FEIRA.

+ O COLOMBIANO “O ABRAÇO DA SERPENTE”, FORTE CANDIDATO AOS PREMIOS PLATINO (oito indicações) ESTREIA HOJE, EM SANTOS, NO CINE POSTO 4, NA AVENIDA BEIRA-MAR.

+ O PORTO, DE KAURISMAKI, HOJE, NO ARTE 1. AMANHÃ, 17h00,
TEM OS “VULCÕES” BERGMAN E MAGNANI — ROSSELLINI

+ SAIU O DVD DE AS SUFRAGISTAS

+ HOJE, NA GLOBO NEWS,
MARIO SERGIO CONTI
ENTREVISTA TATA AMARAL , 23hOO

+ CINESESC PROMOVERÁ GRANDE DEBATE
SOBRE O MAGNIFICO “BOTAO DE
PEROLA”, de PATRÍCIO “A BATALHA
DO CHILE” GUZMÁN. AGUARDEM DETALHES

+ NO CINESESC, MOSTRA DE FILMES SOBRE
TEATRO E PERFORMANCE, ACOMPANHADO DE
OFICINA DE EVALDO MOCARZEL.

***CINEOP 2016 – ANO 11

Até 03 de junho – Inscrições para
Oficinas e Workshops da 11ª CineOP

INSCRIÇÕES ABERTAS E GRATUITAS PARA
OFICINAS E WORKSHOPS DA 11ª
CINEOP ATÉ O DIA 03 DE JUNHO
Interessados podem escolher entre três oficinas e três workshops

internacionais audiovisuais e se inscrever pelo site www.cineop.com.br. Vagas limitadas

Estão abertas as inscrições para oficinas audiovisuais e workshops internacionais gratuitos da 11ª CineOP – Mostra de Cinema de Ouro Preto, a ser realizada de 22 a 27 de junho. Até o dia 03 de junho, os interessados devem preencher formulário disponível no site oficial do evento (cineop.com.br) e aguardar o prazo de seleção. São seis modalidades com 220 vagas no total, atendendo a públicos e interesses diversos.

Nesta edição serão oferecidas três oficinas e três workshops internacionais e integram o programa de capacitação que a Universo Produção realiza no âmbito do Cinema sem Fronteiras 2016. Tem por objetivo contribuir para formação, capacitação, qualificação de profissionais – questão vital para o crescimento da indústria audiovisual no Brasil e, ao mesmo tempo, visa estimular a formação de novos talentos, oportunizar o encontro e o intercâmbio de ideias e conhecimento.

É permitida apenas uma inscrição por pessoa. Se o número de inscrições por oficina/workshop ultrapassar o número de vagas oferecidas, a seleção será feita conforme critérios definidos pela comissão organizadora do evento. Tanto as oficinas quanto os workshops são gratuitos e acontecem no Centro de Artes e Convenções da UFOP, na cidade de Ouro Preto|MG (90 km de Belo Horizonte).

OFICINAS

O diretor e produtor Marcelo Caetano (SP) ministrará a oficina de “Assistência de Direção”. A atividade busca apresentar e propor exercícios sobre a atuação deste profissional, responsável pela costura das relações entre direção, elenco, produção e equipe técnica, bem como pela organização das etapas de pré-produção e filmagem.

“Da Ideia à Distribuição: Sob a Perspectiva de um Realizador Independente” é a oficina que será ministrada pelo cineasta Cristiano Burlan (SP). Através da perspectiva da direção e da produção independentes, o cineasta irá propor aos participantes uma reflexão sobre os meios e modos de produção e realização do cinema.

A artista plástica, designer gráfico, ilustradora e professora Daniella Penna será responsável pela oficina“Narrativa Por Imagem: “Minha Caixa, Uma História”. A atividade vai trabalhar a relação entre palavra e imagem, através da criação de narrativas visuais, utilizando recursos e técnicas variadas (desenho, pintura, gravura, fotografia, colagens).

WORKSHOPS INTERNACIONAIS

Uma das novidades da 11ª edição da Mostra de Cinema de Ouro Preto é a promoção de workshops internacionais. Para a realização das atividades, foram convidados especialistas europeus de instituições reconhecidas internacionalmente por seus trabalhos de preservação de material audiovisual. Será a primeira vez que estes profissionais participam da Mostra de Cinema de Ouro Preto.

Um dos convidados é o espanhol Eugénio López, professor universitário, diretor de Documentação do Grupo Atresmedia e do Centro de Documentação e Arquivo da Antena 3, emissora de televisão privada da Espanha. O profissional será responsável pelo workshop “Preservação Antes da Origem: A Gestão de Arquivos de TV no Ambiente de Produção Digital”.

Já o restaurador francês Benjamin Léréna, chefe de Projetos e Especialista em Gestão de Patrimônio Audiovisual do INA – Institut National de l’Audiovisuel (França) irá abordar a experiência do INA nas parcerias e consultorias internacionais para o desenvolvimento de estratégias de conservação, digitalização e valorização do patrimônio audiovisual. O workshop terá foco na parceria entre o INA e o ICAIC – Instituto Cubano del Arte e Industria Cinematográficos para a digitalização e restauração dos Noticieiros Cubanos.

O outro instrutor é o pesquisador e professor universitário holandês Johan Oomen, chefe de Pesquisa e Desenvolvimento do Institute for Sound and Vision (Holanda). O especialista irá compartilhar com os participantes as estratégias de acesso dos diferentes conteúdos preservados pela instituição.

RELAÇÃO DAS OFICINAS

E WORKSHOPS DA 11ª CINEOP

Confira abaixo as oficinas e workshops que

serão ministradas na 11ª Mostra de Cinema de Ouro Preto

OFICINAS

ASSISTÊNCIA DE DIREÇÃO
Instrutor: Marcelo Caetano | SP
Período: 24 a 26/06/2016 (sexta a domingo)
Horário: 14 às 18h
Carga horária: 12 horas
Número de vagas: 30 vagas
Faixa etária: a partir de 18 anos

DA IDEIA À DISTRIBUIÇÃO:

SOB A PERSPECTIVA DE UM

REALIZADOR INDEPENDENTE
Instrutor: Cristiano Burlan |SP
Período: 24, 25 e 26 de junho (sexta a domingo)
Horário: 14 às 17h
Carga horária: 9 horas
Número de vagas: 40 vagas
Faixa etária: a partir de 18 anos

NARRATIVA POR IMAGEM:

“MINHA CAIXA, UMA HISTÓRIA”
Instrutora: Daniella Penna |MG
Período: 25 a 26/06/2016 – sábado a domingo
Horário: 9 às 13h e de 14 às 18, 25/06 (sábado); de 9 às 13h, 26/06/2016 (domingo)
Carga horária: 12 horas
Número de vagas: 30 vagas
Faixa etária: a partir de 18 anos

WORKSHOPS INTERNACIONAIS

PRESERVAÇÃO ANTES DA ORIGEM: A

GESTÃO DE ARQUIVOS DE TV NO

AMBIENTE DE PRODUÇÃO DIGITAL

Instrutor: Eugenio López | ESPANHA
Período: 24/06/2016 (sexta-feira)
Horário: 16h às 17h30
Carga horária: 90 min
Número de vagas: 40 vagas
Faixa etária: a partir de 18 anos

A EXPERIÊNCIA DO INA – INSTITUT

NATIONAL DE L’AUDIOVISUEL

Instrutor: Benjamin Lerena | FRANÇA
Período: 25/06/2016 (sábado)
Horário: tarde: 17h às 18h30
Carga horária: 90 min
Número de vagas: 40 vagas
Faixa etária: a partir de 18 anos

ESTRATÉGIAS DE ACESSO A CONTEÚDOS

AUDIOVISUAIS PRESERVADOS

Instrutor: Johan Oomen | HOLANDA
Período: 26/06/2016 (domingo)
Horário: 17h às 18h30
Carga horária: 90 min
Número de vagas: 40 vagas
Faixa etária: a partir de 18 anos

Link para as fotos do evento e programação – 11ª CineOP

***

Acompanhe a 11ª CineOP – Mostra de Cinema de Ouro Preto e o programa Cinema Sem Fronteiras 2016

Participe da Campanha #eufaçoaMOSTRA

Twitter: universoprod

Facebook: universoproducao / cineop

Instagram: universoproducao

Web: cineop.com.br

Uol: Com adaptações na infraestrutura, salas populares abrem com atraso em SP

Leonardo Rodrigues
Do UOL, em São Paulo

01/06/201616h37

Ouvir texto

0:00

Imprimir Comunicar erro

  • Fernando Pereira/Divulgação

    Salas do Circuito SpCine estão levando cinema a regiões com pouca ou nenhuma opção
    Salas do Circuito SpCine estão levando cinema a regiões com pouca ou nenhuma opção

Oito das 20 salas previstas no circuito SPCine, que está levando cinemas populares a centros culturais, CEUs e bibliotecas públicas de São Paulo, foram entregues fora de seu cronograma original, que se encerrou no último domingo (29).

Programados para o período entre 8 e 29 de maio, os espaços dos CEUs Vila Atlântica, Paz e Vila do Sol, da Biblioteca Roberto Santos, do Centro Cultural São Paulo (salas Lima Barreto e Paulo Emílio) e do Centro de Formação Cultural Cidade Tiradentes ainda não abriram as portas.

Outras salas já em funcionamento também sofreram com atrasos, incluindo a do CEU Perus, inicialmente prevista para o dia 12 de maio e inaugurada apenas nesta quarta (1º) na zona norte da capital.

Procurada pelo UOL, a assessoria do SPCine afirma que dois motivos ocasionaram a mudança de planos –o primeiro deles intencional.

“Resolvemos espaçar as inaugurações das salas nos CEUs –que inclusive já estão com os projetores instalados– para dar tempo de realizarmos as sessões inaugurais”, diz a nota divulgada pelo circuito, que foi lançado em março pelo prefeito Fernando Haddad em parceria com a secretaria municipal de Cultura.

Além do cinema do CEU Perus, que abre nesta quarta, outras três tiveram novas datas divulgadas pela prefeitura: CEU Vila Atlântica (5 de junho), Paz (8) e Vila do Sol (9). As demais salas devem ser abertas ao público até julho.

“Os dois espaços culturais Centro Cultural São Paulo, Centro de Formação Cultural Cidade Tiradentes e Biblioteca Roberto Santos também estão passando por pequenas adaptações de infraestrutura que surgiram ao longo do processo”, afirma o comunicado.

Leonardo Rodrigues

Sala de cinema do Circuito SPCine no CEU Butantã, zona oeste de São Paulo
Sala Butantã

Em abril, o UOL visitou a primeira sala do circuito, inaugurada no CEU Butantã, zona oeste de São Paulo, e constatou que, apesar de confortável e acessível, o espaço apresentava problemas no som e falta de opções de alimentação. A SPCine afirmou que estava avaliando as interferências sonoras e que possíveis soluções seriam estudadas.

Sobre as lanchonetes disse que “o regimento interno dos CEUs impede a comercialização de produtos e alimentos nas dependências do espaço, norma que, por sua vez, está sendo reavaliada pela Prefeitura de São Paulo junto à empresa de cinema e audiovisual”.

Com assentos similares aos do circuito comercial, projetores profissionais e o mesmo sistema de som Dolby 5.1, as salas exibem blockbusters estrangeiros e títulos do cinema nacional.

Segundo a Prefeitura de São Paulo, o investimento total de equipamentos foi de R$ 7,4 milhões, além de mais R$ 2,5 milhões para a operação das salas. Com ingressos gratuitos, trata-se do maior circuito público de cinema do país. De acordo com o SPCine, 5.000 pessoas assistiram às sessões nos primeiros dois meses de projeto.

Felipe Branco Cruz
+55 (11) 9-7559-0805
+55 (11) 9-7488-7020

Anúncios